Atirador de escola em Cambé é encontrado morto na cela

O autor do ataque a tiros no Colégio Estadual Professora Helena Kolody, localizado em Cambé, no norte do Paraná, foi encontrado morto em sua cela na Casa de Custódia de Londrina na noite de terça-feira (20). O homem de 21 anos foi responsável pela morte de dois estudantes durante o ataque ocorrido na segunda-feira (19).…

O autor do ataque a tiros no Colégio Estadual Professora Helena Kolody, localizado em Cambé, no norte do Paraná, foi encontrado morto em sua cela na Casa de Custódia de Londrina na noite de terça-feira (20). O homem de 21 anos foi responsável pela morte de dois estudantes durante o ataque ocorrido na segunda-feira (19).

A Secretaria da Segurança Pública emitiu uma nota, porém, não forneceu detalhes sobre as circunstâncias da morte do atirador. O órgão informou que o Departamento de Polícia Penal do Estado do Paraná (DEPPEN) já está conduzindo uma investigação interna para apurar o caso.

No período da manhã de segunda-feira, o atirador foi até a escola alegando precisar de uma cópia do seu histórico escolar. Ao entrar no local, ele disparou contra os estudantes e namorados Karoline Verri Alves e Luan Augusto da Silva, ambos com 16 anos de idade. A motivação do crime ainda não foi esclarecida.

Foi revelado que o atirador já havia sido denunciado por tentativa de homicídio em 2022, de acordo com informações do Ministério Público do Paraná. Uma ação penal foi proposta pela 1ª Promotoria de Justiça de Rolândia contra o suspeito, que havia sido denunciado por tentativa de homicídio com o uso de uma faca. O incidente ocorreu em 19 de outubro de 2022 em Rolândia, sem causar lesões à vítima. Na época, o denunciado fugiu logo após o crime, o que impediu sua prisão em flagrante. O processo tramita sob sigilo.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *