Carlos Eduardo fala sobre movimentos para a Prefeitura de Natal

Diante desses movimentos, o Blog do Girotto entrou em contato com Carlos Eduardo, perguntando sobre sua posição diante do cenário que acabamos de esboçar. Por meio de sua assessoria, o ex-prefeito declarou que “ainda não comenta sobre as próximas eleições” e agradeceu “a lembrança da população diante das últimas pesquisas divulgadas na capital”.

Quatro vezes prefeito da capital, Carlos Eduardo (PDT) disputou o Senado em 2022 com o apoio do Partido dos Trabalhadores, sendo derrotado por Rogério Marinho (PL).

Apesar do resultado negativo, o pedetista mostrou que ainda possui força eleitoral na capital. Em Natal, ele venceu Rogério Marinho, ainda que por pequena margem. Carlos teve em sua cidade 163.778 votos, enquanto Rogério, com o apoio decisivo de Álvaro Dias (REP), registrou 160.575 votos. O terceiro colocado na capital foi Rafael Motta (PSB), com 48.287 votos.

A única pesquisa divulgada este ano com vistas às eleições municipais de 2024 volta a confirmar a força eleitoral de Carlos Eduardo. Ele aparece como o nome mais forte para concorrer contra o candidato que tiver apoio do prefeito Álvaro Dias.

A pesquisa, realizada pelo instituto Exatus e encomendada pelo jornal AGORA RN, revelou que, faltando pouco mais de um ano e meio para o início do processo eleitoral de 2024, ainda há muita indefinição quanto à disputa da Prefeitura de Natal.

No cenário espontâneo, em que o entrevistado pode citar qualquer nome ao ser perguntado, foi constatado que 50,78% dos entrevistados não sabem em quem votar ano que vem, e outros 17,18% afirmam que votarão em branco ou nulo. Diante deste contexto, a pesquisa mostra que ainda não há um favorito claro para as eleições municipais de 2024 na capital potiguar. Mas dá sinais dos nomes que largam na frente na disputa.

No cenário estimulado, com 10 possíveis candidatos, 22,82% dos entrevistados responderam que votariam em um candidato apoiado por Álvaro Dias. Em segundo lugar, com 17,18%, ficou o ex-prefeito Carlos Eduardo, seguido pela deputada federal Natália Bonavides (PT), com 6,12%; o ex-deputado federal Rafael Motta (PSB), com 5,24%; e o policial militar reformado Wendel Lagartixa (PL), com 4,47%. A pesquisa também identificou que o deputado federal eleito Paulinho Freire (União Brasil) tem 2,82% e o blogueiro Bruno Giovanni (sem partido), com 1,26%.

O cenário ainda não reflete o impacto do anúncio de Natália de que pretende ser candidata em 2024. É de se esperar que ela cresça substancialmente a partir de agora.

Diante desses movimentos, o Blog do Girotto entrou em contato com Carlos Eduardo, perguntando sobre sua posição diante do cenário que acabamos de esboçar. Por meio de sua assessoria, o ex-prefeito declarou que “ainda não comenta sobre as próximas eleições” e agradeceu “a lembrança da população diante das últimas pesquisas divulgadas na capital”.

Para o ex-prefeito, ainda segundo a resposta que recebemos de sua assessoria, as menções a seu nome no contexto da sucessão de Álvaro Dias “são frutos do legado de trabalho na saúde, educação, serviço social, além das obras de infraestrutura, a criação do Natal em Natal, o resgate do Carnaval e o apoio constante à cultura da cidade, algumas das ações que marcaram seus quatro mandatos como prefeito da capital potiguar”.

Parece discurso de quem pretende se manter vivo na disputa. Resta agora acompanhar os próximos movimentos, pois – ao que parece – as lideranças políticas do RN parecem não querer repetir os erros de 2022, quando chegaram tarde demais na corrida, sem chances de competir.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *