A bailarina de Osama

Ela pediu pra ser chamada de Olívia (o nome verdadeiro não revela, pois viu nossa revista numa relação das que o presidente Barack Obama monitora pessoalmente). Fora o nome, é tudo verdade, ela garante.Olívia começou a trabalhar cedo como bailarina. Foi na profissão que conheceu e se tornou amiga de Xandi e Carla Perez, seus…

Ela pediu pra ser chamada de Olívia (o nome verdadeiro não revela, pois viu nossa revista numa relação das que o presidente Barack Obama monitora pessoalmente). Fora o nome, é tudo verdade, ela garante.
Olívia começou a trabalhar cedo como bailarina. Foi na profissão que conheceu e se tornou amiga de Xandi e Carla Perez, seus vizinhos num investimento imobiliário no Jardim Petrópolis. Dançou ao lado dos maiores expoentes da música festiva brasileira: Daniela Mercury, Ivete Sangalo, Babado Novo ainda antes de Cláudia Leite obter seu atual sucesso.
Como sua beleza e rebolado não tinham pares, viu-se logo na companhia de ilustres do cenário mundial. Assim começou seu affair com o Rolling Stone Mick Jagger. Fez turnê pelos quatro cantos do mundo e se tornou ainda mais conhecida.

Ela faz uma pausa e pede pra irmos conversar noutro lugar – a prefeita Micarla nos vigia num banco próximo. Olho e vejo uma estudante; pela estatura bem que podia ser… Por via das dúvidas, saímos.
Foi em sua primeira excursão pelo planeta que ela conheceu seu maior admirador, o procurado número 1 de todo canto, Osama bin Laden, que ela garante que anda por Natal e conversa com a prefeita e a governadora constantemente, sem ser incomodado pela polícia – “ele é do partido delas”.
Conta-me que hoje teve um incêndio na Casa Branca, mas não sabe quem ateou o fogo. Obama quase fica preso nas chamas, a CIA encobriu tudo. Ela se preocupa com a possibilidade de Obama segui-la – “ele acha que eu ajudo o bin Laden. Mas não. Ele apenas me prometeu que quando for presidente dos EUA vai me levar pra Casa Branca.”

Por conta dessa paranoia do presidente americano, Olívia passou maus bocados na Praia do Forte. Helicópteros das Forças Armadas estadunidenses surgiram do horizonte enquanto ela fazia uma apresentação para turistas. Correu pra água; nadaria até a praia da Redinha, onde conhecia um esconderijo usado pela governadora, mas logo viu surgir os marines. Por sorte, fantasiado de Xuxa, o ex-presidente Bush, o filho, deu-lhe uma carona Ponta Negra, onde participariam de um show.
Pergunto-lhe se é feliz. Mas claro que é, afinal, eu conheço alguém que tenha uma vida mais interessante e agitada que a da natalense Olívia? Sim, ela se diz feliz e satisfeita.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *