Desonerações dos combustíveis preocupa equipe de Lula

O projeto de orçamento de 2023 prevê a manutenção das desonerações aos combustíveis, que trarão uma perda de arrecadação aos cofres da União de R$ 52,9 bilhões, segundo cálculos do Ministério da Economia. De acordo com o texto, a redução de PIS/Cofins e Cide sobre gasolina, etanol e gás veicular representará uma renúncia de R$…

O projeto de orçamento de 2023 prevê a manutenção das desonerações aos combustíveis, que trarão uma perda de arrecadação aos cofres da União de R$ 52,9 bilhões, segundo cálculos do Ministério da Economia.

De acordo com o texto, a redução de PIS/Cofins e Cide sobre gasolina, etanol e gás veicular representará uma renúncia de R$ 34,3 bilhões. Já a redução de PIS/Cofins sobre diesel, gás de cozinha e querosene de aviação terá impacto de R$ 18,6 bilhões.

A solução mais eficiente para reparar a crescente alta no preço dos combustíveis, que afeta toda a cadeia produtiva, seria a revisão da atual política de preços da Petrobras, baseada na paridade internacional do preço do petróleo e dolarizada.

Dificilmente Lula comprará esta briga no início de seu mandato. Mas ele sabe que o tema será central nos primeiros anos de seu mandato, impactando diretamente no poder aquisitivo sobretudo dos assalariados.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *