Eleições na Argentina: Sergio Massa lidera pesquisa e “Bolsonaro Argentino” pode ficar fora do 2º turno

A 5 dias do primeiro turno da eleição que definirá o próximo presidente argentino, pesquisa indica alta probabilidade de 2º turno e chances crescentes de Javier Milei ser ultrapassado pela direitista Patricia Bullrich.

Divulgada ontem, 16, uma pesquisa do AtlasIntel trouxe luz às intenções de voto dos argentinos nas próximas eleições presidenciais, que ocorrem em 22 de outubro.

De acordo com a pesquisa, o candidato governista à Presidência da Argentina, Sergio Massa, da Unión por la Patria, lidera as intenções de voto no primeiro turno, com uma sólida porcentagem de 30,9%. Esta é uma indicação significativa do apoio que Massa tem angariado em sua busca pela presidência.

Em segundo lugar, temos Javier Milei, representando o partido La Libertad Avanza, com 26,5% das intenções de voto. Patricia Bullrich, do Juntos por el Cambio, ocupa o terceiro lugar, com 24,4%. Estes números destacam a competição acirrada entre os candidatos e suas respectivas coalizões.

Outros candidatos também estão na disputa, com Juan Schiaretti, do Hacemos por Nuestro País, obtendo 10% das intenções de voto, enquanto Myriam Bregman, da Frente de Izquierda, registra 3,2%.

De acordo com a legislação eleitoral argentina, um candidato precisa atingir a maioria necessária para evitar um segundo turno. Isso significa alcançar 45% dos votos ou obter 40% com uma diferença de dez pontos percentuais em relação aos demais candidatos. Caso esse critério não seja cumprido, um segundo turno será convocado e está marcado para o dia 19 de novembro.

Sobre a pesquisa

O levantamento ouviu 5.702 pessoas com mais de 16 anos, entre os dias 10 e 13 de outubro, através de meios digitais e de maneira aleatória.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *