Encerrou-se ontem coleta do Censo 2022 do IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) concluiu a etapa de coleta de dados do Censo Demográfico 2022 no último domingo (28). A previsão é que os resultados preliminares da pesquisa nacional sejam divulgados daqui a um mês, em 28 de junho. O objetivo do IBGE é ter cerca de 80% a 90% do censo divulgados até o final de dezembro.

O Censo Demográfico é realizado no Brasil a cada dez anos e é a única pesquisa domiciliar que abrange todos os 5.570 municípios do país. Seu objetivo é fornecer um retrato da população e das condições domiciliares em todo o território nacional.

Para garantir a qualidade do censo e um controle maior da operação em tempo real, o IBGE utilizou a tecnologia como aliada. Os recenseadores contaram com equipamentos que utilizam imagens de alta resolução e permitem o acompanhamento da operação em tempo real, por meio de chips inseridos nos aparelhos. Além disso, as coordenadas geográficas de GPS foram captadas, permitindo aos analistas do IBGE acompanhar o trajeto feito pelos recenseadores em áreas urbanas, rurais, florestas e aglomerados subnormais.

Para aumentar a taxa de resposta e obter mais informações nos domicílios, o IBGE realizou ações de mobilização em parceria com a Central Única das Favelas (Cufa) e o Data Favela em diversos estados, além de promover a Ação de Mobilização do Censo em Áreas de Alta Renda. Também foram adotadas medidas junto às administrações de condomínios para incentivar a participação e as entrevistas com os moradores.

Os cidadãos tiveram acesso ao telefone 137, Disque-Censo, para agendar entrevistas com os recenseadores do IBGE.

A expectativa é que o Censo Demográfico 2022 proporcione dados atualizados e precisos sobre a população brasileira, contribuindo para a formulação de políticas públicas e tomada de decisões baseadas em informações sólidas.