Fernando Lucena projeta lutas dos garis para 2023 e reúne categoria

Na semana que passou, o SINDLIMP-RN obteve importante vitória na defesa dos direitos dos trabalhadores terceirizados da UFRN, garantindo o pagamento dos salários de dezembro e do 13º que estavam atrasados. Após a mobilização vitoriosa, o sindicato voltou a se reunir em assembleia para traçar seus planos para 2023, quando pretende avançar nas conquistas, no…

Na semana que passou, o SINDLIMP-RN obteve importante vitória na defesa dos direitos dos trabalhadores terceirizados da UFRN, garantindo o pagamento dos salários de dezembro e do 13º que estavam atrasados.

Após a mobilização vitoriosa, o sindicato voltou a se reunir em assembleia para traçar seus planos para 2023, quando pretende avançar nas conquistas, no embalo da vitória de Lula em outubro.

Na assembleia, o presidente do sindicato, Fernando Lucena, fez uma avaliação dos últimos anos e projetou o futuro. “Nós conseguimos, no governo do manequim de funerária Michel Temer, garantir a inflação. E também no governo Bolsonaro. E agora, no governo Lula, que dará 2,5% de ganho real no salário mínimo, nós estamos lutando para conseguir a inflação mais os 2,5% também para nossa categoria. Isso no salário, no vale-alimentação e na insalubridade”, disse Lucena.

Em entrevista ao Blog do Girotto, Lucena esclareceu a questão da insalubridade: “Nós somos o único sindicato de garis do Brasil que conquistou que a correção da insalubridade seja sobre o piso salarial da categoria. É uma grande conquista nossa, dos trabalhadores. Uma conquista inédita”.

Lutas futuras

Os garis estão mobilizados, já pensando nas lutas de 2023.

“Nós estamos mobilizando os trabalhadores, estamos fazendo assembleia, porque nós vamos até a greve, se for preciso, caso o patronato não queira ceder nesses 2,5% de ganho real. Estamos há seis anos sem ganho real. O Lula ganhou, e o povo brasileiro agora tem esperança. Porque a vitória de Lula por si só é um avanço para os trabalhadores brasileiros. E nós vamos pra cima, agora, mobilizando em cima disso, conquistar o ganho real de 2,5%”, completou Lucena, que aos 71 anos nem pensa em abandonar a luta sindical.

Wilson Duarte, vice-presidente do SINDILIMP-RN, analisou a atuação do sindicato durante a pandemia.

“No ano passado, mesmo com a pandemia e os governos fazendo todo tipo de acordo para prejudicar os trabalhadores, nossa categoria esteve na linha de frente do combate à pandemia, se expondo a grandes riscos e prestando um serviço essencial à sociedade. Nosso sindicato, nossa categoria, conseguimos firmar um protocolo de segurança para garantir que nossa categoria fosse atingida o menos possível pelos riscos da pandemia. Foi uma luta grande, conseguimos máscaras para todos os trabalhadores, a manutenção dos empregos e o cumprimento dos protocolos de segurança”, disse Wilson ao Blog do Girotto.

Além das lutas, o sindicato também aproveitou o momento para informar que está reformando seu clube, em Nova Natal, e que pretende reinaugurá-lo com uma grande festa do gari.

Por fim, Wilson registrou que 2023 será um ano decisivo para a categoria dos garis em todo o país.

“Tem uma questão que está tramitando no Congresso Nacional que é de grande importância para nós, o piso nacional do gari. É um projeto de Paulo Paim. E contamos com o apoio da senadora Zenaide neste projeto. Também vamos procurar toda a bancada federal do estado, para que quando esse projeto for para o plenário a gente possa garantir o piso nacional para nossa categoria. è uma grande luta para garantir na lei os direitos de nossa categoria. Inclusive garantir por lei a aposentadoria com vinte e cinco anos de serviços para os garis”, disse Wilson.

Para o sindicalista, o momento é decisivo e exige grandes esforços. “Esta é a grande luta de nosso sindicato para o próximo ano. Nossa diretoria tem o compromisso: lutar por melhores condições de vida e trabalho para nossos trabalhadores e seus dependentes, para todos os associados”.


Comments

Uma resposta para “Fernando Lucena projeta lutas dos garis para 2023 e reúne categoria”

  1. Avatar de João Maria Alves de Oliveira
    João Maria Alves de Oliveira

    Kkkkkkk esse cara leva os garis como bestas hoje tem pessoas bem preparados dentro da urbana e nom meio dos garis se liga lucena você só quer fazer política a custa dos garis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *