Festa dos Santos Mártires fez história em São Gonçalo do Amarante

140 mil fiéis estiveram em São Gonçalo do Amarante para encerramento da celebração, que contou com show do padre Fábio de Melo. Evento movimentou cultura e economia da cidade.

Em um marco histórico para a fé e devoção potiguar, cerca de 140 mil fiéis se reuniram em São Gonçalo do Amarante ontem (03) para a celebração do encerramento da Festa dos Santos Mártires de Uruaçu. O evento deste ano destacou-se como um dos maiores já realizados na região.

O prefeito Eraldo Paiva destacou que a Festa dos Santos Mártires faz parte do projeto do município de se tornar referência no turismo religioso potiguar. “Nossa cidade tem uma história que remonta a antes da colonização. Preservamos uma riqueza cultural e religiosa que é única e muito especial. Ações como esta de hoje reforçam nossos valores e atraem para São Gonçalo as pessoas que valorizam essa experiência”, disse Eraldo ao Blog do Girotto.

Vanessa Camilo

A festividade, que começou no dia 24 de setembro, foi marcada por uma série de missas diárias e acampamentos culturais. No último dia, várias missas foram realizadas, culminando com uma celebração eucarística especial presidida pelo bispo Dom Jaime Vieira Rocha. Este evento reveste-se de particular importância, uma vez que foi a última celebração de Dom Jaime em um evento do calendário religioso devido ao encerramento de seu mandato.

O ponto alto das comemorações foi o show do padre Fábio de Melo, que atraiu grande público e encerrou os festejos com emoção e espiritualidade. Durante sua apresentação, o sacerdote manifestou sua honra em participar do evento, descrevendo a região como “uma terra santa e frutífera”, onde muitos demonstraram sua fé até o último momento de suas vidas.

Vanessa Camilo

Os mártires

A razão central para a celebração é relembrar os eventos de 1645, quando holandeses invadiram o Nordeste brasileiro. Interessados nos engenhos de cana-de-açúcar. Na ocasião, um grupo liderado por Jacob Rabbi cometeru massacres em Cunhaú e Uruaçu, resultando na morte de 80 cristãos. Estes eventos são reverenciados pelos potiguares e a memória dos mártires é celebrada anualmente no dia 3 de outubro, data decretada como feriado estadual desde 2006.

Governador em exercício representou Fátima

O vice-governador em exercício, Walter Alves, presente nas celebrações, enfatizou a importância do evento para o turismo religioso e o desenvolvimento econômico da região. Além disso, destacou a parceria com a prefeitura de São Gonçalo do Amarante e o suporte fornecido pelo governo para garantir a segurança durante a festa.

A Festa dos Santos Mártires de 2023, realizada conjuntamente pela Arquidiocese de Natal e pela Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, consolidou-se não apenas como um testemunho da fé da população, mas também como um evento de significativa importância histórica e cultural para o RN.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *