O que há de errado na homenagem da Polícia Militar a Natália Bonavides?

Nada, digo logo. Uma coisa é o direito legítimo de setores das forças policiais de divergir da orientação política da deputada e mesmo de não se agradar com a visão da esquerda sobre a segurança pública – visão que Natália representa e que me parece mais sofisticada que o modelo padrão em voga mesmo no…

Nada, digo logo. Uma coisa é o direito legítimo de setores das forças policiais de divergir da orientação política da deputada e mesmo de não se agradar com a visão da esquerda sobre a segurança pública – visão que Natália representa e que me parece mais sofisticada que o modelo padrão em voga mesmo no RN; outra completamente diferente é a verdadeira tentativa de embargo que Natália sofreu por parte de representações do corpo policial potiguar.

Como deputada federal, a petista deu sua contribuição para as políticas de segurança do estado, sobretudo por meio de emendas específicas e reforçando articulações entre os entes governamentais para possibilitar o reforço financeiro do setor.

Pode parecer pouco, e até devia ser, mas não é. Como todas as políticas públicas em nosso estado (com a única e notável exceção da propaganda oficial), a segurança é deficitária e sobrevive graças a emendas e outros aportes que mantém vivos projetos inteiros que, sem esses “extras”, morreriam por inanição.

Nada mais adequado e até mesmo protocolar que a Secretaria de Segurança Pública renda homenagens a uma parlamentar que vem destinando recursos para a instituição.

Disso tudo, só o que resta na ação voluntariosa contra a homenagem rendida a Natália é o ranço ideológico de um segmento de nossa sociedade que ainda alimenta a ideia de ser dono do tema segurança pública, como se de servidores da população tivessem sido alçados à posição de detentores particulares do exercício do monopólio da violência estatal. Pelo mundo, essa mentalidade medieval é só o que cresce. Infelizmente, teremos que conviver com ela.


Comments

2 respostas para “O que há de errado na homenagem da Polícia Militar a Natália Bonavides?”

  1. Avatar de José Arnóbio
    José Arnóbio

    Concordo Giroto com seu posicionamento, infelizmente tem pessoas que não conseguem ver além dos seus próprios umbigos.

  2. Avatar de Max Fonseca
    Max Fonseca

    Boa análise! Gostei.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *