Prefeitura vai iniciar projeto de drenagem e pavimentação de ruas nas Rocas e Ribeira

A Prefeitura de Natal acaba de dar um passo importante para resolver um problema histórico da capital potiguar. Em dias de chuva, várias ruas dos bairros das Rocas e da Ribeira sofrem com alagamentos. O prefeito Álvaro Dias assegurou o investimento de R$ 7 milhões e a obra para requalificação da drenagem dessas áreas deve começar em breve, após a assinatura da Ordem de Serviço.

“Essa área sofre com um problema crônico que está sendo potencializado pelo desgaste da rede de drenagem do local que há muitos anos não passa por um serviço de manutenção ou ampliação. Vamos requalificar o sistema e pavimentar mais de 2km em 10 ruas dos bairros”, explicou o prefeito Álvaro Dias.

Após a realização da requalificação da drenagem, serão pavimentados as ruas: Teotônio Freire (396m), General Glicério (387m), Ferro Cardoso (100m), Felinto Elizio (184m), Rua Sem Nome (84m), Almino Afonso (263m), Travessa Severino David (45m), Duque de Caxias (125m), Olavo Bilaq (95) e Esplanada Silva Jardim (392m).

Além do problema histórico que atinge o local, foram detectados, durante uma inspeção da Secretaria Municipal de Infraestrutura – Seinfra, uma série de problemas que serão resolvidos com a obra tais como o desgaste da drenagem existente, a partir da ocorrência de afundamentos das vias e afloramento de material do interior das galerias e canal de drenagem dos bairros. “Esses problemas acabavam gerando alagamentos em períodos chuvosos, além de  dificultar a mobilidade de pessoas e veículos nos bairros”, apontou Álvaro Dias.

As obras fazem parte do esforço da Prefeitura de Natal, que tem investido forte na recuperação das áreas históricas e centrais da capital potiguar. “Estamos fazendo isso tudo, apesar das dificuldades que todas as capitais do Brasil enfrentam para requalificação dos seus Centros Históricos”, comentou Álvaro Dias. O gestor ainda citou uma série de obras de requalificação na região, como o recapeamento asfáltico das principais avenidas do local, a utilização do edifício na Ribeira como sede da Prefeitura, a requalificação do Beco da Lama, do Espaço Ruy Pereira, as calçadas, a Nova João Pessoa, o mirante e entorno da avenida do Contorno, dentre outras.