Terezinha Maia não assumirá mandato de deputada estadual

As contas da deputada estadual eleita Terezinha Maia (PL) foram rejeitadas pelo Tribunal Regional Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte – TRE-RN – que recomendou sua desaprovação. Com isso, Terezinha se tornará inelegível e não poderá ser diplomada no próximo dia 19. Entre as inconsistências e irregularidades encontradas pelo Tribunal nas contas de Terezinha…

Foto: reprodução mídias sociais

As contas da deputada estadual eleita Terezinha Maia (PL) foram rejeitadas pelo Tribunal Regional Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte – TRE-RN – que recomendou sua desaprovação.

Com isso, Terezinha se tornará inelegível e não poderá ser diplomada no próximo dia 19. Entre as inconsistências e irregularidades encontradas pelo Tribunal nas contas de Terezinha Maia consta ela ter extrapolado o limite de 20% das despesas ordinárias em gastos apenas com locação de veículos.

Um advogado e uma contadora consultados pelo blog avaliaram que agrava a situação o fato de esse tipo de despesas ser aquele qué é mais difícil de fiscalizar, uma vez que não há acompanhamento concreto da execução dos serviços.

Foram quase R$ 400 mil gastos apenas com locação de veículos.

A orientação do TRE-RN pela rejeição das contas da candidata se dá com base no artigo 74, III, da Resolução nº 23.607/2019 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Com mais este revés, o Partido Liberal – PL – enfrenta um verdadeiro inferno astral. A inelegibilidade de Wendel Lagartixa está por ser julgada no pleno do TSE, cujo relator Ricardo Lewandowski já votou pela cassação da candidatura.

Terezinha tem tudo para ser o segundo deputado estadual eleito pelo PL a não conseguir tomar posse.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *