Tiroteio na Smart Fit: testemunha relata o que presenciou

Uma testemunha que preferiu não se identificar por medo de retaliações, contou ao Blog do Girotto as cenas que presenciou.

A testemunha dirigia pela rua Apodi, lateral da academia, quando ouviu um estrondo vindo das grades laterais da Smart Fit. Logo várias pessoas tentavam fugir do local pela saída.

Assustado, nossa testemunha abandonou o carro no meio da rua e correu atrás de se proteger. “Primeiro foi o barulho, enorme, do portão. Depois vi as pessoas correndo, muito assustadas. Saí do carro e fui me refugiar. Outras pessoas disparam na contramão. No meio disso tudo, deu para ouvir estampidos secos. Logo soube que realmente eram tiros”, nos contou, ainda olhando para os lados contantemente, preocupado.

“Nossa cidade está muito perigosa, não tem mais limites. Chegou um momento que só a prisão não está servindo para os bandidos, porque logo estarão soltos. Ainda se vangloriam de ter sido presos. Me senti como naquelas novelas do Rio de Janeiro. Abandonei meu carro no meio da rua e tive que me proteger. Outras pessoas fugiram pela contramão”, desabafou.